NOTA
18/01/2018 - 13h51 em Novidades

     NOTA DE REPÚDIO

  

A Associação Brasileira de Rádios Comunitárias de Goiás (ABRAÇO) vem de público repudiar o brutal e covarde assassinato do radilista comunitário Jefferson Pureza, ocorrido ontem (17/01/2018).

Além de nos solidarizarmos com a família, exigimos das autoridades locais e estaduais, a apuração do crime e a punição dos autores de mais esse atentado contra o direito de comunicação.

Jefferson Pureza de 39 anos, tinha um programa na rádio comunitária Beira Rio, onde costumava falar sobre o dia a dia da cidade e a respeito das autoridades da região.

A ABRAÇO condena toda forma de cerceamento da liberdade de imprensa e expressão, exigindo providência por parte de nossas autoridades.

 

Valdeci Borges

Presidente  Abraço-GO

 

COMENTÁRIOS